Translate

terça-feira, 14 de julho de 2015

Portugal fez número em Espanha

Gran Premio de España 2015

Terminou o melhor Gran Premio de España, alguma vez realizado por Espanha. Quem diz são os números de participação de 44 países e de 300 atletas, os números de pessoas no pavilhão sobe para perto de um milhar e os números de espetadores do Streaming (em direto na internet) ficou muito perto dos 70000. Ou seja, Espanha dá cartas na organização de competições de Lutas Olímpicas, só este ano organizou, três eventos UWW (eventos internacionais) e todos com largos elogios à Federação Espanhola de Lutas Associadas. Uma entidade a trabalhar bem.


Mas para Portugal não existe motivos de orgulho, já que participou com a mais baixa participação de sempre nesta competição, com 2 lutadores a defender as cores nacionais, um em Greco Romana e outro em Livre Feminina. Assim os resultados foram os possíveis para os nossos lutadores lutarem por um lugar de destaque, dentro de todas as condições que lhes são dadas.  

Análise da prestação nacional da modalidade.

Seleção Nacional de Luta Livre Feminina

48Kg - Liliana Santos perde o seu único combate com a lutadora Sueca a Frederika Petersson (medalha de bronze no campeonato do mundo em 2013) pelo parcial de 5-1. Terminou a competição no 18º lugar entre 24 lutadoras, sendo a vencedora desta categoria a Chinesa Yanan Sun. Yanan Sun é 3x Campeã da Asia, 2x Campeã do Mundo e tem um Campeonato do Mundo por Seleções.

Seleção Nacional de Luta Greco Romana

59Kg - João Carvalho também perdeu o seu único combate por (8-0) com o lutador da Turquia o Erhan Karakus (medalha de bronze no campeonato do mundo em 2008). Terminou a competição no 18º lugar entre 24 participantes. O vencedor desta categoria foi o jovem Japonês de 20 anos o Kenchiro Fumita, que conta já no seu breve currículo, uma medalha de prata Asiática e um Bronze no Mundo.

Foto: FELA

Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogs de Portugal