Translate

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Casa Pia ganha a sua 6ª Taça de Portugal

Final Four da Taça de Portugal 2013


Casa Pia Atlético Clube venceu a Taça de Portugal numa final empolgante frente à estreante equipa algarvia, o Silves Futebol Clube

A Casa Pia Atlético Clube conquista a Taça de Portugal, prova por equipas que decorreu no Pavilhão do Futebol Clube da Boa Hora, na Ajuda em Lisboa.


Nesta prova participaram 4 instituições que combateram entre elas, com duas voltas em cada embate em Livre Olímpica e em Greco Romana, de forma a subir ao mais alto patamar do Podium e erguer a Taça de Portugal, a prova rainha de qualquer modalidade. 

As meias-finais da Final Four da Taça de Portugal de 2013 foram compostas pelos embates: MF1 – Casa Pia Atlético Clube vs Grupo Desportivo da Mouraria e MF2 – Clube Musical União vs Silves Futebol Clube.

A consagrada Casa Pia AC orientada pelo Treinador David Maia e constituída pelos lutadores João Gastão e os Campeões Nacionais Ruben Moniz, João Carvalho e o Olímpico Hugo Passos carimbaram o bilhete para a final vencendo os estreantes desta prova, os Guerreiros da Mouraria constituídos pelo Ralph Galasso, Suleimane Djaguite, Nuno Fernandes, Hélder Barroso, Ruslan Ruschack, Filipe Cardoso, Thiago Fonseca e o Campeão Nacional João Andrade, comandados pelo Treinador Carlos Nunes. O resultado final foi de 4-2.

As expetativas no apuramento para a final, (nesta meia-final), recaíam sobre a detentora das duas últimas Taças – o Clube Musical União – mas foram surpreendidos pela estreante em provas por equipas, o Silves Futebol Clube da região de Faro que entrou muito forte nesta prova. A União conduzida pelo Treinador Mário Lopes e tripulada pelos lutadores Adrian Roman, Zoltan Scholle, Nelson Gonçalves, João Pina, Miguel Leirão e Rui Soares foram derrubados pelos Castelões Rui Santos, Arlindo Prates, Bruno Prates e Mário Mascarenhas imperados pelo Treinador Fernando Coelho, num encontro bastante renhido, pelo resultado de 4-2.

Na final entre os Gansos e os Castelões foi bastante emotiva e competitiva, tendo as bancadas divididas no apoio para a equipa de Lisboa e do Algarve.

A final foi assim disputada entre estas duas equipas:

Na primeira volta em Livre Olímpica, a Casa Pia ganha o primeiro ponto num combate em que o João Carvalho vence aos pontos o Rui Santos, num total de 12-0.

No combate seguinte seria sem dúvida outro ponto para as Gansos, que o lutador a medir forças foi o Olímpico Hugo Passos que venceu o Arlindo Prates por Grande Superioridade Técnica, terminando também aos 12-0.

O próximo ponto seria do Silves por intermédio do Bruno Prates, já que João Gastão saiu lesionado sem gravidade, já que realizou a segunda volta.

Terminando a primeira volta e num total de 2-1, passamos agora à Greco Romana.

Os primeiros a medir força foram o Ruben Moniz contra o Rui Santos, num combate em que este último não teve argumentos para um Moniz forte, perdendo por Grande Superioridade Técnica num total de 15-0.

Assim os Gansos venciam por 3-1 e o próximo ponto seria decisivo para a continuidade da esperança dos Castelões. O próximo combate trazia o Olímpico Hugo Passos que ganhou o combate e o ponto, de novo frente ao jovem Arlindo Prates, tendo terminado por Grande Superioridade Técnica, num total de 14-0.

João Gastão já recuperado da lesão, queria conquistar o ponto perdido de novo frente ao Bruno Prates, mas este não deu qualquer hipótese vencendo-o pela máxima desta modalidade, por Assentamento de Espádua. Assim o embate desta final ficou igual a todos os resultados das meias-finais por 4-2. 

No final a Casa Pia Atlético Clube levantou a Taça de Portugal 2013, para o entusiasmo dos apoiantes que estavam na bancada. 

Em termos de curriculum quem detém o maior número de Taça de Portugal é o Sporting Clube de Portugal com 9, seguido da Casa Pia Atlético Clube com 6 taças, o Sport Lisboa e Benfica e o Clube Musical União com 2 troféus.  

Texto e Montagem: Mundo da Luta Olímpica
Foto: Hugo Passos
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogs de Portugal