Translate

domingo, 18 de janeiro de 2009

ALADS pede socorro

FPLA faz alguma coisa!


O início de época cada vez torna-se mais negro para o lado de Setúbal, depois de um Corpo Gerente inteiro ter-se demitido dos cargos da ALADS, um Candidatura aos Corpos Gerentes completa ter sido rejeitada, uma Comissão Administrativa não conseguida, o que perde e a modalidade.

ALADS na voz do demissionário Presidente da Mesa da Assembleia-geral, Teodoro Antunes, ainda com alguns encargos e consciência, faz um apelo ao Presidente da Federação Portuguesa de Lutas Amadoras, Norberto Rodrigues, refere que a Associação e a modalidade entraram numa fase muito delicada da sua existência, pois encontra-se sem Corpos Gerentes.

Explica o que se passou nas últimas duas e problemáticas Assembleias-Gerais, “Numa realizar-se uma prestação de contas aos associados, sendo de destacar o fecho provisório de contas com a informação das verbas a haver e das dividas assumidas pelas ALADS que têm de ser pagas; Uma segunda Assembleia-Geral onde não foi possível a eleição da única lista candidata.” acrescenta ainda “Esta situação traduz uma realidade difícil para a Associação e consequentemente para a modalidade do Distrito neste início de ano desportivo. Deixa-se o apelo para que a FPLA actue rapidamente de modo a se organizar da melhor forma o apoio necessário a treinadores, clubes e atletas para minimizar o impacto do impasse actual de ausência de corpos gerentes ALADS.”Destaca que Existe ainda pagamentos de despesas correntes pendentes de Janeiro e outros que se irão acumular e até ficar a situação mais “preta”.Sabe-se que existe até ao momento, membros da Direcção Demissionária, que já não se encontra em funções desde dia 5 de Janeiro, continuam a ir à sede, para acompanhar correio e realizado alguma organização de espaço e algumas questões administrativas.

Para finalizar apontou que “Existe uma preocupação de conseguir saldar a totalidade das dívidas resultantes dos compromissos e despesas realizadas e é o que se irá fazer nos dias que se seguem com a verba agora disponibilizada pela FPLA. Mas ficam ainda a faltar verbas a haver da FPLA e dívidas de despesas a pagar. Pelo que é fundamental que a FPLA disponibiliza as restantes verbas, bem como avalie urgentemente o que pretende fazer relativamente a esta realidade da ALADS e à sua situação económica, bem como definir as necessárias e importantes directrizes e orientações para os próximos tempos”

O que será que irá acontecer à ALADS, depois dos seus sócios rejeitarem uma Candidatura com grande espírito jovem e revolucionário, um mandato que iria ter a durabilidade de 7 meses?
Faz-se um apelo à FPLA, mas também que os seus sócios se mexam, arranjem possibilidades e/ou uma Candidatura de pessoas validas. Ginásio AC e SR Baixa da Serra o apelo também e para voçes.
A Luta precisa de todos!
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogs de Portugal